Em jogo emocionante Paracatu vence o Luziânia de virada do Frei Norberto.

Ligue para (38) 99974-3829 e patrocine a próxima matéria.
 
Com o direito de jogar por dois resultados iguais nos jogos  do mata mata, jogando fora de casa o  Luziânia do técnico Luiz Carlos, entrou em campo com um esquema totalmente defensivo e procurando explorar o contra a ataque e aos  11 minutos do primeiro tempo, o meia Marllon abriu o placar  em uma cobrança de falta, colocando o azulão na frente do placar.
 
A sacudida durante o intervalo, fez com que o Paracatu  voltasse para o segundo tempo com nova postura e com os jogadores mostrando muita raça e superação dentro de campo e aos  11 minutos o atacante Leandro Almeida foi derrubado dentro da aréa e o árbitro  Almir Camargo em cima do lance marcou o penalti para o Paracatu, convertido pelo lateral Danilo Itaporanga.
 
A pressão  do ataque do Paracatu  sobre a defesa do Luziânia era grande e aos 17 minutos  cobrança de falta, de novo o lateral Danilo Itaporanga, marcou o gol que deu a vitória do Paracatu, que agora fará o jogo de de volta no próximo do, 30/03/2019, no Estádio Serra do Lago em Luziânia, precisando de um empate para passar para a próxima fase da competição.
 
Após o término da partida, os jogadores do Paracatu  emocionados e muitos desgastado fisicamente, foram aclamados por sua torcida, uma  prova do reconhecimento de tudo que o time fez em campo, numa partida que vai ficar na história do futebol Paracatuense.
 

Ficha Técnica: 

PARACATU 2 x 1 LUZIÂNIA.

PARACATU: Gabriel; Henrique, Breno, Hícaro e Danilo Itaporanga; Acerola, Davi (Igor Pato), David Manteiga e Ávine (Ritchely); Leandro Aguiar (Batata) e Diego Nogueira 

Técnico: Buião

Gol: Danilo Itaporanga (11’ e 17’ – (2 ºT)

Cartão amarelo: Gabriel

Cartão vermelho: não houve 

LUZIÂNIA: Dida; Dedê, Perivaldo, Dedé e Rafinha; Barros, Castro Jr. (Renatinho), Marllon (Heverton) e Lucas Garcia; William.

Técnico: Luís Carlos

Gol: Marllon (11’ – (1º T)

Cartão amarelo: Barros, Dida e Rafinha 

Estadio Frei Norberto 

Público: 480 pagantes  

Renda: R$ 3.450,00

Árbitro: Almir Camargo

A 1: Luciano Benevides 

A 2: José Reinaldo

Quarto Árbitro: Maricleber Góes 

Inspetor: Fábio Alves