Torcida comparece em massa, mas Paracatu perde para o Gama no Estádio Frei Norberto.

Ligue para (38) 99974-3829 e patrocine a próxima matéria.

Valendo pela segunda rodada do Candagão 2019, as equipes do Paracatu e Gama, fizeram, na tarde de quarta feira, 30/01/2019, no Estádio Frei Norberto, um dos clássicos de maior rivalidade da competição e, como não poderia deixar de ser, a partida foi bastante disputada.

Com forte marcação no meio de campo, mesmo jogando fora de casa, foi o Gama quem criou mais chances de gols, e, depois de um chute de fora da área, abriu o placar com o meia Gilsinho,  aos 46 minutos do primeiro tempo. 

Jogando em casa, diante de sua enorme torcida, o Paracatu falhou na criação de jogadas, tendo muita dificuldade para entrar na defesa bem montada do Gama, restando apenas a boa atuação do atacante Davi, que foi sem  dúvida o destaque  da partida.

Mesmo com a derrota os jogadores mostraram, no final do jogo, muito  otimismo, pois sabem que a equipe do Paracatu pode subir muito de produção e conquistar bons resultados, para ficar entre os quatro primeiros colocados no campeonato, que  ainda está só começando.

Na próximo domingo,  03/02/2019, o Paracatu enfrentará o Formosa  fora de casa, enquanto o Gama jogará em casa contra  a equipe do Capital.

A arbitragem,  que teve uma atuação abaixo da média, foi composta pelo árbitro Sávio Sampaio, pelos assistentes Ciro Chaban e Westhane Cassiano, quarto árbitro Maguielson Lima, inspetor Geufram  Almeida, Delegado  Rodrigo Paulino e o estágário  Clesle Siqueira.

Paracatu Futebol Clube: Gabriel, Henrique (Douglas Rato), Pierre, Ícaro, Magal, Zé Wilson, Acerola, Carlos Henrique (Cecel), Leandro, Richely (Rafael). Técnico Joel Cornelli.

Sociedade Esportiva Gama: Calaça, Alex, Samuel, Emerson, Mário, Gaúcho (Lucas Dias), Wisman, Tarta, Gilsinho (Wagner), Maranhão e Xavier. Técnico Vílson Tadei.

Gol do Gama: Gilsinho aos 46 minutos do primeiro tempo.

Público: 700 pagantes.

Renda: R$ 7,000,00.